• Premium Administradora

Guia Rápido para Certificação Digital de condomínios

O que é, para que serve, e como se certificar?


Desde 2012, o Governo Federal vem informando a necessidade dos condomínios providenciarem sua certificação digital.

A certificação digital é obrigatória e necessária acessar inúmeros serviços públicos e privados, inclusive o canal “Conectividade Social”, da Caixa Econômica Federal.

Sem esse acesso, o síndico não consegue enviar dados importantes que se referem aos seus colaboradores, e pode, também, ser penalizado com multas pela Justiça do Trabalho, além do condomínio ficar suscetível a processos trabalhistas.

E sabendo que esse tema gera muitas dúvidas, elaboramos um guia rápido com perguntas e respostas frequentes.

Por que preciso providenciar a certificação digital?

Para que o síndico, ou a administradora, utilizem o canal “Conectividade Social”, da Caixa Econômica Federal. É por ali que trafegam informações sobre o FGTS, INSS, RAIS, entre outros.


Se meu condomínio não tem funcionários, eu preciso da certificação digital?

Sim. É necessário o investimento na certificação digital, já que quem faz uso de RPAs (recibo de pagamento para autônomos) também terão de usar o canal “Conectividade Social” para fazer a transmissão de dados. Informações sobre o Imposto de Renda também serão enviados por esse canal.


É necessário para todos os condomínios?

Sim. Todos, sem exceção, devem ter o seu certificado digital em mãos.


Qual o prazo máximo para estar certificado?

A Caixa Econômica Federal havia estipulado o prazo de 31 de dezembro de 2011, mas prorrogou o prazo para 30 de junho de 2013 e agora o prorrogou novamente. Ou seja, até a data do prazo final, todos os condomínios do país deveriam estar com a certificação em dia e já funcionando.

O que acontece se meu condomínio não providenciar a assinatura eletrônica?

Nesse caso, dados importantes sobre os funcionários, não serão enviados à Caixa Econômica Federal. O síndico e o condomínio ficam suscetíveis de processos trabalhistas e multas da Justiça do Trabalho.


Quais os documentos são necessários?

São necessários os seguintes documentos originais e suas cópias simples:

  • Instituição do condomínio (como se fosse a certidão de nascimento do empreendimento, disponível no cartório de imóveis)

  • Especificação do condomínio (parte da instituição, o documento é feito quando a construtora projeta o condomínio)

  • Convenção do condomínio

  • Cartão de CNPJ do condomínio

  • Ata de eleição do síndico

  • RG e CPF do síndico (ou CNH) e comprovante de residência

E se o cadastro do síndico atual não estiver atualizado junto à Receita Federal?

É comum ver condomínios solicitarem o certificado digital e o síndico atual não estar cadastrado na Receita Federal. Essa é uma pequena correção que pode atrasar a emissão da certificação digital.


Outro item importante é que pode acontecer devido à desatualização do cadastro na Receita, que o antigo síndico seja responsabilizado por erros, fraudes ou má conduta da gestão atual.


Por isso, estamos buscamos um passo a passo de como alterar o nome do antigo responsável pelo condomínio pelo atual. Em geral, esse trâmite é realizado com a ajuda da administradora. Em breve estará aqui.


Que vantagem tenho em estar certificado?

Além de estar em conformidade com os processos e a legislação, fica bem mais simples saber se as contribuições dos funcionários estão em dia, sendo feitas corretamente, ou se a administradora/empresa terceirizada está atrasando aos direitos dos colaboradores.


Como se dá todo o trâmite?

  1. Primeiro, entre em contato com uma AR (Autoridade de Registro) em sua região. É essa empresa quem emite a certificação digital.

  2. Na maioria dos casos, você pode adquirir o certificado pelo próprio site da Autoridade de Registro. Para tanto, tenha em mãos as seguintes informações: número do CNPJ; Razão social; endereço completo; nome completo, RG e CPF do responsável pelo CNPJ.

  3. Após o pagamento, agenda-se um horário (pode ser no próprio site também) para que o síndico vá até a Autoridade de Registro apresentar os documentos necessários para a expedição da certificação digital. Após esse encontro, o certificado digital está apto para funcionar em pouco tempo.


Posso pedir para outra pessoa ir fazer o certificado para mim?

Não. Apenas o síndico pode retirar o equipamento em uma autoridade certificadora. A administradora pode ajudar colocando em ordem a documentação do condomínio e do síndico, mas quem deve ir ao agendamento é o responsável pelo empreendimento. Não é possível fazê-lo por meio de procurações, por exemplo.


Por que tanta gente acha difícil obter o certificado?

Porque todos os documentos precisam estar sem nenhum tipo de disparidade. O nome do síndico, grafado de maneira igual ao que está nos seus documentos, deve estar na base da Receita Federal, como responsável pelo empreendimento. O nome do condomínio também deve estar escrito da mesma maneira, seja na Receita Federal ou nas atas apresentadas no momento de tirar o certificado.


Meu condomínio foi construído e entregue antes de 1964, e não tem convenção. Como é possível fazer a certificação?

Nesses casos, é possível fazê-la tendo em mãos a matrícula do empreendimento.


Quanto tempo demora para obter a assinatura eletrônica?

Isso vai depender das condições da documentação do condomínio. Se estiver tudo em dia, da maneira correta, sem nenhum erro, depende apenas da instituição de irá emitir o certificado. Mas quando há disparidade, pode chegar a demorar de dez a vinte dias, até que o empreendimento coloque seus papéis em ordem.


Que tipo de equipamento vale mais a pena?

Depende de quem irá usá-lo. Se o condomínio contar com a ajuda de uma administradora, o condomínio poderá arcar apenas com os custos de um cartão – os custos das leitoras poderão ser divididos. Porém, se é com o síndico que o equipamento vai ficar, ele pode optar pela compra de um token (aparelho similar a um pen drive), ou pelo combinado de leitora e cartão.


Qual o custo para emitir o certificado?

Para os produtos Cartão A3 + Leitora A3 ou Token USB A3, o valor médio de mercado a partir de R$ 420,00 (certificado com validade de 12 a 36 meses). Para quem for adquirir apenas o Cartão Inteligente, o valor médio fica partir de R$ 280,00.


A Premium está firmando parceria para emissão de certificados com desconto para condomínios em Passo Fundo. Para adquirir o seu certificado digital com desconto ou fazer o agendamento para tirar dúvidas, clique aqui.


81 visualizações

Mapa do Ecossistema   Glossário do Condôminio   Central de Ajuda   Feedback

Soluções

Consultoria

Estratégia

Digital

Tecnologia

Operações

Serviços

Administração

Migre seu condomínio

Solicitar proposta

Seja fornecedor

Ver todos os serviços

Sobre a Premium

Quem somos

No que acreditamos

Nossas metodologias

Nossas certificações

Nossos parceiros

Junte-se a nós

Contate-nos

 

⭐ Indique a Premium

Unidade Principal
 
📌 Rua General Canabarro, 100, Sala 4, Centro, Passo Fundo/RS
📞 (54) 3622-7040  📲 (54) 99981-4462  📧 atendimento@premium.adm.br
👥 Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h30 às 12h e 13h30 às 18h. Sábados das 8h30 às 12h
Termos de Uso | Política de Privacidade
  • Facebook
  • Instagram
  • LinkedIn
  • YouTube
botao-whatsapp-premium.png